segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

POST DE SEGUNDA - DOIDA DE FASES.

EDITORIAL

Eu ando muito encafifada ultimamente. Creio estar sendo invisível no Twitter... Poxa, eu ajudo tanta gente por lá, custava dar uma forcinha pra Doida aqui? Ah, isso não é pra todo mundo, tah? Tem umas lokas que dão a força pra tia aqui. OBRIGADA!

Ok, vamos deixar pra lá. Vou continuar ajudando seja lá quem for. Afinal, eu nasci pra fazer algumas pessoas felizes mesmo; isso não tem preço. :D

Como sou modesta e humilde, neah? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

RESENHA

ACOMPANHANTE DE LUXO - PENNY JORDAN
(Man Hater) - 1978


"Precisa de companhia? Telefone e nós mandaremos para você um belo acompanhante para suas horas de solidão." O anúncio num cartaz perto do metrô chamou a atenção de Kelly. Não, nem devia pensar nisso. A simples idéia de pagar a um homem para que ficasse ao seu lado era uma loucura! Ou talvez... uma solução! Estava cada vez mais difícil fugir ao assédio de Jeremy, que além de insolente e mau-caráter, era o marido de sua melhor amiga. Precisava de uma companhia masculina para aquele fim de semana casa de campo de Sue, e podia pagar muito bem por isso! Perdida em seus pensamentos, Kelly assustou-se quando, de repente, se viu em frente à porta da agência onde um homem moreno e atraente olhava-a cinicamente, convidando-a para entrar...


EU: Antes de dar minHa opinião sobre o livro, preciso compartilhar algo.

Penny Jordan foi a autora da minha adolescência.Eu tive o livro com a capa mais velha nos bons e velhos anos 80. Como naquela época eu fazia trocas, com muito pesar, mandei ele passear. 

Não sou uma pessoa de me ligar muito em autoras, mas sim nas histórias. Cá estava eu, nessa semana, pensando em resenhar algum livro da Penny que tivesse marcado de uma maneira gostosa, em forma de livro de romance e... UOPAAAAAAAAA! Fui ao sebo chique que tem aqui em Bauru e bati os olhos no Florzinha com 2 histórias, reedição da Harlequin.

Foi um choque reconhecer o nome de imediato... Pronto, voilá. A história pulou em mim como pipoca na panela aberta.

(Um aparte: eu simplesmente fiquei assim (͡๏̯͡๏) quando entrei no acervo de livros de romance do sebo: conheço os donos e um amigo que trabalha lá. Rapaiz, aquilo é o Paraíso! Tem livros lá que nunca foram folheados! Tem pilhas e caixas fechadas... E ao preço de 2,50 cada. E sério, me oferecí, gratuitamente, pra desempacotar todos. Faria uma pilha de compras pra mim! Vem direto da editora e eles espalham por Bauru, entre bancas e sebos).

Retomemos.

Kelly era uma mulher que tinha sido magoada pelo cafajeste morfético ex marido na noite de núpcias. Depois de um lance desagradável com ele, o bofe saiu e morreu em um acidente. Ela tem uma amiga, Sue, que tem um marido mais retardado ainda desagradável e imbecil da face da terra, que a assedia imoralmente.

Convidada pela amiga para passar um fim de semana em sua casa, ela recorre ao bom e velho "compre seu acompanhante". Na busca em uma agência, ela encontra Jake. E aí...
Muita coisa acontece. Vale a leitura. Naaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa, dessa vez vou contar tudo não!

Um aviso: é um FLORZINHA, de 1978, portanto é puramente um livro machista com mocinhas histéricas. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk. Mas vale a leitura. Tia Penny foi bem ousada em um livro pra essa época.



CONEXÃO GERARDÃO

Participou de algun programas de TV, como Grahan Norton Show:



Feliz 2012!




AI, JOE...

Atenção: Produto novo na praça!





Ai, papai!
(Gracias, Marcela!!!)



COISAS DE DOIDA

Levei minha Ferrari ontem no Wal Mart pra exposição:



Mimos que ganhei da Flavinha e da Carol: Amei, obrigada!



E alguns livros que comprei sábado: O Florzinha reeditado da Penny e Anne Mather (Anjo Loiro) e Febre de Paixão da DP (paguei 2,50 cada, NOVINHOS!) E a edição de colecionador da DP.



E tinha quilos de Nora Roberts, Diana Palmer e Penny Jordan no outro sebo que fui também. Meo, preciso ganhar na mega sena :D

Povo, hora de partir e tentar conter a dor de cabeça monstro. Ninguém merece!

Bjs.























0 Marcando Presença!:

Layout por Flavinha Garota de Aquario.