segunda-feira, 6 de maio de 2013

[RES] DO SEU LADO - FERNANDA SAADS

RESENHA

DO SEU LADO - FERNANDA SAADS



Após um longo tempo de terapia para se recuperar de um fora, Sarah parece estar bem. Quer dizer, ela já recuperou seu peso normal e consegue pensar em outras coisas além de Bruno. O problema é que no fundo ela vive fantasiando o dia em que esbarra com ele na rua e: pimba! Ela está linda e radiante e ele percebe a mancada que deu. Seus planos são simples: reconquistar Bruno e depois dar o troco que ele merece. Mas o destino lhe prega uma peça quando Nestor, seu chefe, pede que ela visite um novo cliente e, de repente, tudo vira de cabeça para baixo. Lá está ela de frente para o seu antigo amor, que parece mais irresistível do que nunca! Enquanto isso, seu melhor amigo, Igor, sempre presente e irritantemente perfeito, não suporta vê-la cair nas garras do bonitão outra vez. Sarah terá que lutar contra os próprios conceitos para descobrir o verdadeiro sentido do amor.


EU: Antes de mais nada, preciso esclarecer uns pontos.
Sou reticente em ler livros de autoras brasileiras (menos a Flavinha e a Miss Sunshine, porque essas eu leio sem medo) e... Perae, sua Doida, você escreve livros!
Sim, mas eu escrevo livros do jeito que eu gosto de ler. Tenho traumas passados a respeito de autores brasileiros... Coisas de Carla, mas tenho sim.
Já li muita coisa e realmente isso me marcou muito.

Até que a Ruth, aluna da academia aonde trabalho, trouxe esse livro pra eu ler. Logicamente eu seria muito sincera se não gostasse, mas a verdade foi que amei o livro.

Vamos à ele.

É leve, é clichê, é a história básica que um dia todo mundo já leu ou ouviu. O que diferencia é a maneira gostosa como a Fernandinha (HA!) escreve. É do jeito que eu gosto, sem frescura, sem muita descrição. 
Sarah é meio confusa, tadinha. Nisso me identifiquei com ela. Depois de flagrar o namorado traindo, ela pira um pouco. Sua sorte é ter um melhor amigo chamado Igor pra segurar suas pontas. 
O problema é que o traidor voltou. E nem com anos de terapia conseguiu resistir. O amigo? Seguiu sua vida. Adivinha se ele não era apaixonado por ela?
Seria ela capaz de achar o amor como ela realmente queria?? Estava bem do seu lado!

A família dele, a dela, a amiga espertinha e a "Chayene" Fátima dão um toque especial na trama. 
Não me decepcionei com algumas coisas que esperava que acontecesse, pois ela se redimiu no epílogo. Muito amor.
O que me fez pensar sobre amigos e amizades. Aquele meu lance de encontrar aquela amiga que me entendesse, não que concordasse com tudo que eu falasse ou fizesse. Aquela que me perguntasse o que estava acontecendo, o que eu tinha, que risse comigo, blá blá, blá... 
Ops... Fiz de novo. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Mas sim, eu refleti. Não só sobre isso, mas tudo muito relacionado. Ou seja, não foi só um livro sobre romance. Foi uma reflexão.

Leia. É leve, divertido e vai te fazer rir. E chorar. Ah, não leia esse livro na TPM, porque chorar litros foi o que fiz.

Valeu, Ruthinha, pelo lindo livro. Gracias.

Beijos!




0 Marcando Presença!:

Layout por Flavinha Garota de Aquario.