segunda-feira, 21 de abril de 2014

ESPECIAL HARLEQUIN 9 ANOS - ERA UMA VEZ...

Olá. Meu nome é Cole Whifield. Fui persuad... quer dizer, convidado pra falar um pouco da paixão dessa mocinha, a Carla, pelos livros da Harlequin.

Conheço essa criat... essa lindona desde os 12, 13 anos. Ela participou da minha história durante um bom tempo... todos os dias - o que me fazia questionar como eu aguentei todo esse tempo essa Doida me olhando, me absorvendo, me comendo com os olhos... Ok, não precisa me beliscar, já parei.
É o que dá fazer uma descrição com a criatura do lado. Me ajuda, Lacey? Leva a Doidona pra tomar um café.

*espero as reclamações, lamentos, cuidado com o que vai escrever no meu blog, blá blá blá. 
Lacey é minha esposa. Eu a conheci em circunstâncias que... Bem, a Doida escreveu sobre nossa história...


Eu fui o primeiro mocinho da vida dela. Isso justifica eu estar sentado em sua cadeira, usando seu pc, vendo sua tv, com o ventilador ligado... Bem, depois de tantos anos, acabei pegando algumas manias da Geminiana... E a teimosia de Touro
Continuando... A Mamys Loka da Carla tinha esse livro, só esse. E eu fui dissecado por tanto tempo, lido tantas vezes, que perdi a conta. Já me perguntava o que tinha feito pra Deus, quando Jake apareceu pra me fazer companhia.


Ufa. Pelo menos ela me deu um descanso. 

Outros foram aparecendo pelo caminho. E sempre tão fominha, lia e relia, dissecava, sonhava, inventava outros finais.

E então ela me trocou. A mim, Jake e tantos outros tão insistentemente lidos. Fui embora, depois de tudo isso. 

Ingrata. Não, não sou bipolar. Só não imaginei sentir tanta falta daqueles olhos em cima de mim.

Nesse meio tempo, entre leituras, ela escrevia. Sua inspiração: os livros que tanto lia. Foram mais de 100 histórias e... 
Lacey, meu amor, para de chorar. 

*levo minha esposa pra cozinha novamente. A Doida já me olha feio, perguntando o que tinha feito. Só levanto as mãos e voltou pro quarto.
Só porque errei em alguns momentos da minha história, já sou acusado. Tsc tsc.

Mas nem tudo são flores. Ela parou de ler por um tempo.

E então surgiu o Orkut. E também a comunidade Adoro Romances. E também Nikos.


Aquela paixão antiga, aquele amor de outrora foi despertado novamente. A corrida até a banca pra comprar o Nikos foi imediata. Ela devorou o livro e foi em busca de mais. 

E eu lá, naquele sebo... #chatiado

Sua coleção foi aumentando. Pessoas compartilhando. Amizades se formando. Esse espaço de Doida começando. E voilá! Carla Blackhawk surgiu! Nomezinho difícil... Como surgiu? Quem começou? RÁ! Culpa do Jonah Blackhawk, da Nora Roberts. O cara soprou esse nome no seu ouvido e... Perae. Que história é essa de soprar no seu ouvido?


*Vou fumegando até a cozinha. Paro na porta quando vejo as 2 conversando sobre minha atitudes dentro da minha história. Melhor voltar pro pc. Lacey estava séria demais. Putyz!

Inspirada novamente por tanta leitura de romances, ela voltou a escrever. Publicou. A maioria dos comentários são de que ela os remete aos romances de banca.
Entre coleção e livros que ainda não leu, somam mais de 300
Eiiiii, sai daqui, Leonidas! 


Esse tal Gerardão querendo tomar meu lugar aqui. Cara feio.

*Caramba, o que vocês duas estão fazendo atrás de mim de novo? Espera, não to falando mal do Gerardão tontão. Não, eu disse gente boa. G.E.N.T.E  B.O.A. Ei, Doida, mostra pra Lacey os gols do Timão na Libertadores em 2012? LÁ NA COZINHA.

Pronto. Falar de Corinthians acalma a fera.


O que falar de uma pessoa que só lê romances, a grande maioria de banca? Que se apaixona por cada personagem, que fica perdida nas bancas, que torra a paciência da Dricota e da Ildinha, das bancas de Bauru? 
É chata. Simplesmente jogou Jake e eu num sebo, depois de tanto tempo juntos. Mackades, De Burghs, Mackenzies, entre tantos personagens juntos, todos embalados, e nós lá, sem rumo, sem... 

*pelo amor de Deus! Para de aparecer atrás de mim desse jeito, Doida! Eu sei, eu sei o que escrevi no começo, que não aguentava mais etc etc... LACEY!
Não sei o que seria de mim sem minha amada esposa...

Hoje tudo se modernizou. Os livros físicos também são digitais. Você lê on line, off line, do jeito que quiser. Ela também virou a garota-digital. Mas jamais vai deixar de adquirir os livros físicos. Segundo ela, nada tira o prazer de segurar um livro em mãos, sentir o cheiro, a textura, as capas maravilhosas... 

Harlequin é Parceira hoje. Parça, num modo íntimo e carinhoso. Falei pra ela que as 2 combinam muito... 

*não sou puxa saco. Eu já falei pra ficar na coz... Ei, para de chorar. Droga, não suporto mulher chorando. O que eu faço? Lac... Não! duas chorando eu não aguento!


É o que dá a xereta ler o que escrevi antes de ficar pronto.

Proporcionar leitura que diverte, que prende, que faz sonhar e suspirar. Conhecer o mundo, viajar, aprender costumes, linguas e dialetos, sem sair do lugar. Acreditar que o amor pode mudar vidas, pode simplesmente mudar o mundo. Isso tudo proporcionado por gente como a gente. Gracias, Harlequin!

*Digitei conforme você ditou, Doida. Depois eu que sou puxa saco... ¬¬. Opa, um abraço é sempre bom. Pode apertar mais, eu deixo. :) Tah, pode parar, ta me sufoc... Uffff!

Ah, esqueci de algo importante: Fui resgatado do sebo por essa Doida maluka. Hoje estou catalogado como "Valor Sentimental!". Jake também veio, mas ele ta de roupa nova. To meio capengando, mas ainda tenho os olhos dela sobre mim...

Até a próxima.

Ah, não gostei desse Gerardão aqui não, hein! Da próxima vez, parto pra ignorância.



EU: Quero agradecer ao Cole pelas palavras. Ele é meio arrogante e típico homem do final dos anos 70, mas tem um coração gigante! :D E, principalmente, agradecer a Harlequin pela Parceria e parabenizar pelos 9 anos. 


VALEU, PARÇAAAAA!


Beijos!  








1 Marcando Presença!:

Segredos em Livros disse...

Adorei sua história ♥

Layout por Flavinha Garota de Aquario.